Arquivos de Categoria: Ambiente

Projeto do restaurante da Casa Cor é assinado pelo escritório 242 Studio

Os arquitetos Patrizia Genovese e Guilherme Longo, do 242 Studio, respondem pelo projeto do Badebec, restaurante oficial da Casa Cor 2017. Segundo os profissionais, a decoração do espaço de 400 m² tem inspiração nos restaurantes franceses com décor retrô-chic, estilo que marcou o período entre os anos de 1920 e 1950 na Europa.

O trabalho da dupla de profissionais é resultado de um grande trabalho de pesquisa exibido na seleção de matérias primas do projeto. Tendências importantes estão inseridas em cada canto, caso dos mármores italianos das mesas, by Polo Mármores, e do travertino da Palimanan, que veio diretamente da Turquia para a fachada em estilo french pattern. Há ainda muito dourado, empregado no mobiliário da Breton, e tons de rosa pálido e verde greenery, cor do ano da pantone, nas cadeiras do Badebec. “Trata-se de uma coletânea de destaque que prova que a liberdade para elaborar um projeto faz muito bem e traz novas ideias para espantar a mesmice”, define a dupla.

Um dos pontos mais altos são os banheiros do restaurante, que ganharam revestimentos feitos com um mix de porcelanato e pedras naturais e mosaicos artísticos Versace, fabricado pela licenciada da marca, a Gardenia Orchidea.

Merecem destaque também o jardim com piso da Madeiras Ecológicas, o carpete do lounge do pianista, desenhado pelos profissionais e produzido exclusivamente pela Santa Mônica, os lustres Sputnik, de Ana Neute para Itens, os móveis da linha Estrela, by Irmãos Campana, o projeto de iluminação da Luce Studio e o papel de parede Wallcovering com exuberantes imagens de pássaros.

Outra grande estrela do décor é o banco da prestigiada coleção “Objets Nomades”, feito por Tokujin Yoshioka para a Louis Vuitton. A peça, que esteve exposta em diversos cantos do globo, é uma das criações modulares da grife francesa, a qual pode ser desmontada e carregada em uma mala de viagem para qualquer destino.

Mais informações: www.242studio.com

Anúncios

Maraú Design Studio tem dois ambientes na Casa Cor Balneário Camboriú

 

Suite do Casal

O Escritório Maraú Design Studio participa da Casa Cor Balneário Camboriú com um quarto de bebê, dedicado às meninas, denominado de ‘Quarto de Alice’, e a Suíte Master do Casal Urbano. Os dois ambientes com estilo contemporâneo, projetados como refúgio de seus protagonistas.

“O público vai ver nosso melhor em exposição por meio desses ambientes”, declaram as designers de interiores Linda Martins e Cris Araújo, que representam o escritório nessa mostra.

O quarto de bebê não possui cores ou temas predominantes. Assim, pode ser usado sem ‘data de validade’. “Está mais comum os pais optarem por uma decoração com estilo atemporal. Assim, há uma economia de tempo e dinheiro, além de ser uma atitude sustentável”, salientam as designers. Suíte do bebê

Já a Suíte Master do Casal Urbano possui soluções funcionais para cada espaço. Segundo as designers, o ambiente foi idealizado pensando num casal jovem que tem o dia a dia agitado. “O quarto é onde recarregam as energias e encontram aconchego”, explicam.

A Casa Cor Balneário Camboriú vai até 25 de junho. Funciona de terça a sexta, das 15h às 21h. Aos sábados, a partir das 13h até as 21h. Aos domingos, o horário é das 13h às 19h. O endereço é Marina Beach Tower, R. 3700, 147 – Vila Real – Balneário Camboriú (SC).

Clima de Miami marca ambiente da próxima Mostra Artefacto Curitiba

A arquiteta Anna Loyola promete reproduzir a atmosfera energética da ensolarada Miami no projeto “Platinum Sunny Island”, na Mostra Artefacto Curitiba, que começa no próximo dia 14 de fevereiro, na capital paranaense. Em homenagem à empresária curitibana Luciana Almeida, a ambientação valoriza muito a luz natural, e uma base neutra que, combinada a tecidos e revestimentos refinados, reflete toda a elegância esperada para o ambiente com espaço de 42 m².

annaleticialoyola_011

Anna Loyola assina projeto “Platinum Sunny Island”

“A proposta é contemporânea e os móveis amplos, dispostos em um layout surpreendente e moderno, fortalecem esse conceito”, avalia a arquiteta. Segundo ela, esse é um espaço para instigar a contemplação do visitante.

A experiência de exclusividade que a cidade norte-americana do Estado da Florida oferece a seus visitantes nos mais variados segmentos, foi característica considerada pela arquiteta na idealização do ambiente. “Considero esse um ponto que merece atenção, visto que a ideia é encontrar, dentro de casa, sensações únicas que nascem da personalização e da seleção cuidadosa de todos os elementos que a compõem”, analisa.

No mobiliário, peças da linha Beach & Country da Artefacto ilustram como a fusão de texturas ajuda a definir o décor contemporâneo e cosmopolita. Entre as peças, estão o banco Shiraz (em madeira rústica), a cadeira Nikaia (em aço carbono e estofado), a mesa Nidus (em aço carbono, madeira e couro), a mesa lateral Trieste Outdoor (em fibra de vidro) e outras.

Móveis clássicos sofisticam a decoração

De maneira geral, dá para usar móveis clássicos e mesclá-los à decoração em todos os ambientes. Basta ter o cuidado para que o espaço não fique sobrecarregado. A ajuda de um profissional é essencial para conseguir o efeito desejado.

“Os móveis clássicos são usados de maneira pontual, inseridos num contexto mais contemporâneo de projeto”, afirma a arquiteta Estela Netto. Segundo ela, são peças curingas que vão entrar na decoração para romper com o esperado, com o ritmo contemporâneo do projeto. “Destacam-se, criando um elemento que contrapõe com o padrão do restante”, explica.

A designer de interiores Rosane Guedes completa e reforça: “Atualmente é uma tendência na decoração o clássico e contemporâneo mesclados”, diz. Para Rosane, essa mistura em um mesmo ambiente cria uma atmosfera totalmente diferenciada. “Os móveis clássicos podem ser usados, principalmente, em ambientes com áreas menos generosas”, ressalta.

Projetos

Estela criou um projeto que surpreendeu por ter móveis clássicos como protagonistas. Na sala de jantar da residência, ela usou poltronas clássicas na cabeceira da mesa. “Isso quebra as linhas contemporâneas da mesa, cadeiras e aparador, trazendo estilo, atemporalidade, e fazem toda a diferença”, afirma. “Além do design, associamos a uma estampa que contribui para o visual esperado”, detalha a arquiteta.

Rosane também utilizou móveis clássicos para fazer a diferença em um apartamento. Ela conta que a proprietária queria manter as cadeiras com encosto medalhão de design delicado. “Propus um revestimento mais liso em seda para o assento e encosto estofado, o que compôs perfeitamente com a mesa com tampo de vidro e luminária moderna”, lembra. Segundo a designer, o conjunto proporciona todo o conforto necessário para desfrutar plenamente dos prazeres de uma refeição.

Casa Cor RJ traz quarto para netos

As arquitetas Tatiana Lopes e Tatiana Mendes projetaram o ambiente “Quarto do Neto” para a Casa Cor RJ 2016. Afinal de contas, a casa da vovó tem sempre um dormitório pronto para receber os netos, situação cada vez mais comum ante as novas configurações

casa-cor-rj1

Quarto do Neto na Casa Cor RJ (Foto: Divulgação)

familiares.

O maior desafio do projeto foi a área reduzida (pouco menos de 10 m²), que corresponde à realidade da maioria dos apartamentos. Com um layout estudado, aliado ao uso do pé-direito alto, espelhos e predominância de acabamentos claros, como os tijolos da Brick Studio, na cor Aspen, o dormitório ganhou amplitude e funcionalidade.

Tatiana Mendes conta que escolheram o revestimento da Brick Studio pelo diferencial da textura e desenho do tijolinho que, segundo ela, foge bastante dos que se vê no mercado. “Este acabamento entrou bem na nossa proposta que era ter um quarto com ar jovem e descolado, mas, ao mesmo tempo, aconchegante”, destaca.

Outro trunfo do projeto é a base neutra, na qual predominam o cinza claro, a madeira clara e o branco. “Isso permite que o espaço seja atemporal e atenda a todas as fases do crescimento, desde a infância, até a adolescência”, explica a arquiteta.

Brick Studio

Os tijolos da Brick Studio (www.brickstudio.com.br) estão disponíveis em 12 cores. A fabricação com tecnologia de ponta resulta em tijolos para revestimento mais finos e, ao mesmo tempo, resistentes. Isso facilita o manuseio e o assentamento, feito com argamassa colante. Cada peça mede 24,8 cm x 6,2 cm x 1,4 cm, revestindo fachadas e interiores, inclusive com junta seca.

Serviço

 A CASA COR RJ 2016

  • Quando: Até 20 de novembro
  • Horário: De terça a domingo das 12h às 21h
  • Endereço: Rua Marques de São Vicente, 268 – Gávea – Rio de Janeiro-RJ

Sofás retráteis são opções para pequenos ambientes

Os sofás retráteis são alternativas para a decoração de espaços com dimensões compactas. Além de conforto e funcionalidade, os modelos retráteis funcionam bem como divisão de ambientes, por exemplo, entre a sala de estar e o home theater, ou entre o home theater e o lounge.

Dobráveis, com encosto e assento retráteis, permitem todas as funcionalidades desejadas, seja para assistir a um filme sozinho ou para receber os amigos. Esse tipo de móvel combina ainda com diversos acessórios, criando a possibilidade de conceber um clima mais sofisticado, clássico, moderno ou alegre e descontraído.

A Lider Interiores, com 21 lojas em cinco Estados e no Distrito Federal, oferece diversas opções de sofás retráteis. Confira algumas peças disponíveis na rede.

www.liderinteriores.com.br

Dia da Criança na Tok&Stok é com a Turma da Mônica

A Tok&Stok, em parceria com a Mauricio de Sousa Produções, comemora o Dia da Criança com a campanha “Movimento Brincadeira Turma da Mônica”, inspirada nas atividades infantis, por meio das quais as crianças aprendem a desenvolver as habilidades que irão precisar ao longo da vida. A ideia é incentivar turminhas do Brasil todo a celebrar a brincadeira, colocando todo mundo para se mexer.

A coleção traz lançamentos assinados pela Mauricio de Sousa Produções, como um balanço, ideal para a criança brincar com seus pais ou amigos, um ski duplo bem divertido, um andador sapato equilibrista, um jogo de tacos, entre outros. Todos os itens são coloridos e têm estampas dos personagens Mônica, Magali, Cebolinha e Cascão.

Para a diretora executiva da Mauricio de Sousa Produções, Mônica Sousa, é brincando que os pequenos se desenvolvem, experimentam o mundo e suas enormes possibilidades. “É por meio da brincadeira que exercitam sua imaginação, aprendem sobre as relações sociais, sobre autonomia, sobre como organizar as emoções, como trabalhar em grupo, entre outras coisas”, ressalta.

Para completar a diversão, a Tok&Stok ainda apresenta produtos recreativos como cavalo e carneirinhos de balanço, pufes de bichinhos e biombo de teatrinho. Também oferece móveis especialmente fabricados para decorar e divertir, como beliche com escorregador, cama com cabana, estante para guardar e brincar de trenzinho. O objetivo é transformar o quarto das crianças em um cenário repleto de bom humor e conforto.

“O bom mesmo é brincar!”, ressalta a gerente de Marketing da Tok&Stok, Flávia Lucena. Por isso, segundo ela, a campanha inclui itens específicos e estratégicos pensando na possibilidade de criar diversas atividades. “O intuito é fazer com que as crianças brinquem se movimentando.”

Confira alguns mitos e verdades na hora da pintura

 

A pintura é uma solução simples para quem quer renovar a decoração sem gastar muito. Investir em produtos, cores e na luminosidade é fundamental para ter o resultado mitosesperado, além de tornar esse desafio divertido. Mas, na hora de pintar o imóvel, sempre surgem dúvidas.

Confira abaixo alguns mitos e verdades, quando o assunto é pintura, preparadas pela Suvinil, marca de tintas imobiliárias premium da  Basf.

  1. As cores das paredes interferem no tamanho do cômodo? Mito.

As cores não alteram o tamanho (medida) do ambiente, mas podem interferir na percepção que temos dele. Tetos mais escuros que a parede, por exemplo, dão a impressão de um cômodo mais baixo e é uma ótima dica para salas com pé direito muito alto e para quem deseja um pouco mais de aconchego no espaço. Outra opção é aplicar cores claras no ambiente para dar a impressão de amplitude, ou tonalidades escuras em uma parede frontal do cômodo, para alongar o ambiente.

O ideal para escolher as cores é levar em consideração a sensação que se quer naquele espaço da casa. Uma boa combinação para transmitir mais conforto é misturar tons neutros e terrosos, como o Areia do Deserto com Bombom de Licor ou Choconhaque.

  1. Tons mais claros deixam o ambiente mais iluminado? Verdade.

Pensar em tons claros para iluminar o ambientes é uma alternativa mas, além da cor, é necessário investir na iluminação. A luz é que faz a diferença no ambiente. Para ser mais assertivo, o ideal é testar a cor escolhida no cômodo que será pintado nas três luzes do dia, manhã, tarde e noite. Para isso, a Suvinil oferece o Kit Teste Sua Cor, que permite testar duas ou quatro tonalidades antes de investir na compra da tinta.

  1. As cores realmente mudam de acordo com a iluminação?

A cor é um fenômeno de reflexão da própria luz. Enxergamos o vermelho, por exemplo, quando a luz incidente no objeto absorve todas as outras tonalidades menos o vermelho que é refletido. Portanto, dependendo da iluminação de cada ambiente, seja artificial (lâmpada) ou natural (luz do sol), a cor vai parecer diferente de acordo com a luz. Por isso a importância do teste de cores antes de comprar a tinta.

  1. É possível pintar azulejos com tintas base água? Verdade.

Para mudar estes cômodos e evitar o “quebra-quebra”, a alternativa é optar pela tinta específica para essas regiões. Esta opção além de ser mais barata, ajuda a renovar o ambiente com mais facilidade. Para isso, a marca indica Suvinil Banheiros e Cozinhas, que é um produto base água e de fácil aplicação. Se a escolha for do azulejo que terá contato com água, como o box, opte por um epóxi à base solvente, como o Suvinil Sistema Epóxi.

  1. Pintar as paredes provoca cheiro forte? Mito.

Hoje, a maioria dos produtos disponível no mercado já permite que a secagem seja muito mais rápida e não deixe cheiro no ambiente.

  1. É necessário diluir a tinta? Verdade.

Este é um dos principais processos que impactam no resultado da pintura. A tinta deve ser diluída exatamente como está definido na embalagem.

  1. Usar uma chave de fenda para mexer e diluir a tinta interfere na qualidade do produto? Verdade.

O ideal é usar mexedor em formato de régua, como uma espátula.

Para mais informações sobre pintura, acesse: www.suvinil.com.br.

Espelho pode ajudar na decoração

O espelho pode ser um grande aliado na decoração de ambientes. Mas nem sempre as pessoas sabem como usá-lo em seu favor. O arquiteto e designer Glaucio Gonçalves mostra algumas maneiras de tirar proveito dos espelhos na hora de decorar.  Confira abaixo as suas dicas:

Para iluminar o cômodo

Espelho ilumina

O espelho pode ser utilizado para trazer mais luz ao ambiente, deixando-o mais claro e harmonioso.

Para decorar 

Espelho decora

Para trazer um toque mais delicado ao cômodo, um criado mudo espelhado é uma ótima opção 

Para aproveitar o espaço 

Espelho aproveita espaço

O espelho aliado aos móveis projetados garante um espaço bem aproveitado

Para ampliar o ambiente

Espelho amplia

Quer ampliar o ambiente e não sabe como? O espelho é uma aposta positiva nessa situação, já que transmite sensação de profundidade

Mais informações:

www.glauciogoncalves.com

Conheça algumas dicas de como usar fotografias na decoração

Fotografias podem dar um charme todo especial aos ambientes da casa, além guardar boas lembranças de família, amigos, viagens e momentos importantes. Não importa se as fotos são de autoria própria ou de artistas renomados, a escolha precisa ser feita levando em conta o significado e sensação que as imagens transmitem.

A arquiteta Érica Salguero dá algumas dicas de como usar fotografias na decoração “Um dos pontos positivos é que, geralmente, o valor para essa decoração não é muito alto. E as imagens podem ficar apoiadas no chão, em prateleiras ou penduradas na parede”, afirma a arquiteta.

Fotodecora1

Érica explica que fotografias podem decorar qualquer ambiente da casa. As imagens podem ser distribuídas em salas, dormitórios, corredores, home theater, cozinha etc. Mas a arquiteta alerta que se deve evitar os ambientes com muita umidade, no caso de banheiros, por exemplo, pois as fotos podem ser danificadas com o tempo.

Segundo a arquiteta, as molduras indicadas são aquelas mais simples para não interferir na visualização da imagem. Ela afirma que molduras pretas, brancas, de madeira, acrílico e aço são curingas. “Caso não queira usar as imagens em molduras, é possível imprimir uma imagem em forma de adesivo, para destacar um determinado espaço”, ensina.

Contar história

A profissional conta que a parte criativa está na escolha das imagens e cores. Segundo ela, é possível misturar tons vibrantes com tons P&B, desde que a identidade siga o mesmo padrão, sem misturar demais estilos diferentes. “É necessário que as imagens contem uma história, e as escolhas não sejam feitas aleatoriamente.”

Fotodecora3

Um truque para fotografias grandes demais para serem penduradas, destaca Érica, é utilizá-las apoiadas no chão ou em algum aparador. A arquiteta explica que essa composição ajuda a dar um ar cool ao cômodo. “Se a imagem for alongada, você pode fazer uma composição com três ou quatro quadros dispostos simetricamente”, ressalta.

De acordo com Érica, criar uma composição assimétrica com quadros pequenos, médios e grandes é uma ótima alternativa, desde que não avance uma linha imaginária de restrição pré-definida. “Assim, evita-se aquela aparência de quadro torto”, finaliza.

Fotodecora2

Mais informações:

 

%d blogueiros gostam disto: