Arquivos de Categoria: Tendências

Protendit investe R$ 50 milhões em fábrica de pré-moldados no interior de SP

imagem_release_1649553

A Protendit, indústria que fabrica pré-moldados de concreto protendido, anuncia investimento de R$ 50 milhões em fábrica no interior do Estado de São Paulo. A nova unidade, com 37,7 mil m² de área construída, está em fase final de implantação na cidade de Potirendaba, a mais de 430 km da capital paulista.

De acordo com a empresa, essa será a maior fábrica de pré-moldados do Brasil. A capacidade de produção instalada será de 6 mil m³ de pré-moldados por mês. A unidade fabril também irá produzir 3 mil m³ de estacas pré-moldadas de concreto protendido para fundações.

Atualmente, a fábrica de Potirendaba, a terceira do grupo, está com 70% das obras concluídas, e emprega 120 funcionários. Quando estiver 100% operacional, o empreendimento deve gerar 500 novos postos de trabalho. Somado às unidades fabris de São José do Rio Preto e de São Paulo, o número total de colaboradores da Protendit saltará para mil.

Com a nova unidade, a Protendit amplia sua capacidade produtiva e entra no ramo de obras de grande porte, como shoppings e grandes indústrias. Roberto Senna, presidente do conselho do Grupo Protendit, afirma que, com a expansão, será possível atender mais mercados de Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Paraná.

Retomada de obras

“Investimos em Potirendaba pela localização geográfica, pelo fácil acesso às rodovias e pela grande disponibilidade de área”, afirma Senna. Segundo ele, o número de obras para os próximos anos deve crescer. “O empresário está mais confiante, e a previsão é de retomada da economia do País”, prevê.

A companhia tem mais de 60 anos de mercado. A Protendit atua na fabricação de pré-moldados de concreto protendido para indústrias, comércios, usinas, pontes, viadutos e outros estabelecimentos de grande porte. De acordo com a empresa, são mais de 1.780 obras entregues em todo o território nacional.

Mais informações: https://www.protendit.com.br/

 

 

Anúncios

Sherwin-Williams apresenta paleta com influência da arte africana

Sherwin-Williams nova paleta com incluencia africana

A arte africana e o artesanato tradicional definem o clima da paleta Narrador e as sete cores que compõem uma das seis tendências do Colormix 2019 da Sherwin-Williams. Contam histórias por meio de materiais naturais e referências culturais.

Influenciada pelo afrofuturismo (movimento cultural que combina cultura e identidade africanas com tecnologia e ficção científica), o turismo responsável e o conceito ético Ubuntu, Narrador é uma paleta rica e moderna, que abrange espaços e tempos.

“Contadores de histórias são a base para a criação da paleta, mas também trouxemos muito da cultura africana para as cores que compõem Narrador. É a ideia do passado e do presente, com narrativas coloridas que resumem nossa própria natureza e não nos deixam esquecer que estamos todos conectados”, conta Patrícia Fecci, gerente de marketing da Sherwin-Williams e especialista em cores.

Conversa lúdica

Porcelana (SW 0053), Colecionador de Orquídeas (SW 0071), Feijoada (SW 6006), Luva de Camurça (SW 7524), Fogão a Lenha (SW 6039), Vermelho Rústico (SW 7593) e Chá com Leite (SW 0002) transportam tradições e histórias para os dias atuais e criam uma conversa lúdica entre gerações, culturas e estéticas.

“A África representa uma nova era de influência global. Iniciativas como ‘Africa is the Future’ mostram como jovens criativos podem ganhar voz no cenário global. Esses designers estão estilizando móveis, iluminação e produtos de estilo de vida em alto nível, abrindo o caminho para o futuro da decoração.”

O conceito apresentado em Narrador coloca a África em destaque e mostra que nada é desperdiçado em lugares onde os recursos são escassos. “Texturas e estampas culturais revelam as complexidades da África, a beleza de suas diversas paisagens e espaços urbanos dinâmicos. Projetos de mobiliário e iluminação exploram o artesanato e a natureza, com madeira e fibras naturais tecidas. E a decoração de paredes e objetos interiores carregam significados e são, muitas vezes, feitos à mão. Tudo isso é trazido para a paleta, fazendo de Narrador uma das mais significativas do Colormix 2019”.

Mais informações: https://www.sherwin-williams.com.br/

Sherwin-Williams elege Sonho Distante como a cor de março

Cor do mes de marco

Sonho Distante é a cor eleita pelo Sistema Tintométrico da Sherwin-Williams para representar o mês de março. Um azul sóbrio com leve nuance acinzentada presente na paleta Aventureiro do Colormix 2019, o tom é capaz de trazer maturidade ao ambiente, deixando-o moderno e requintado.

“É uma cor bastante versátil e pode ser usada em diversos cômodos da casa, elevando o status de estilo do espaço”, analisa Patrícia Fecci, gerente de marketing da Sherwin-Williams e especialista em cores.

Das infinitas combinações possíveis para Sonho Distante, Patrícia aponta cores que passeiam entre o sofisticado e o divertido, o rústico e o clássico. “Quando utilizado junto ao Caramelizado (SW 9186), Sonho Distante se destaca pela elegância e sofisticação”.

Impacto

Se a intenção é de acabamentos suaves e uma atmosfera de tranquilidade com certo ar praiano, a especialista em cores aponta que combiná-lo com Branco Origami (SW 7636) é a escolha certa.

Para aquela sensação de ares modernos ao ambiente, a dica é utilizar Sonho Distante com Colecionador de Orquídeas (SW 0071). “Tanta versatilidade dá a Sonho Distante a possibilidade de transformar qualquer espaço em um lugar de impacto”.

Mais informações: www.sherwin-williams.com.br

 

Masutti Copat dá dicas de como livros podem ajudar na decoração

EstanteConheça as sugestões da Masutti Copat, especialista em acessórios organizadores, para organizar livros e ainda contribuir para deixar a decoração da casa ou escritório com mais estilo e sofisticação.

Estante

As estantes são perfeitas para acomodar livros e dar um toque extra à decoração da casa ou do escritório. Entre as sugestões de mobiliário estão as estantes componíveis M. Start. A coleção, assinada pela designer Juliana Desconsi, é composta por um sistema de estruturas tubulares e chapas de MDF. Adapta-se a todos os ambientes com estética capaz de se adaptar a todos os ambientes. Pode ser montada pelo sistema “faça-você-mesmo” ou com a ajuda de um especialista.

Prateleira

Explorar a área das paredes para armazenar itens diversos é uma solução que ganha Prateleitacada vez mais adeptos – especialmente em ambientes compactos. Por isso, apostar em prateleiras para guardar livros é uma estratégica prática, econômica e versátil. O Suporte Prateleira FIT, da Masutti Copat, faz alusão à tendência de utilização do metal no interior dos cômodos, remetendo à composição com apelo industrial. Funcional, o acessório oferece praticidade e estilo ao dia a dia de ambientes residenciais e corporativos. Com linhas retas e discretas, o Suporte Prateleira FIT ajuda na melhor utilização dos espaços para armazenar livros e objetos de decoração.

Porta-livros Porta-livros

O porta-livros da linha Neo é discreto e elegante. A peça se integra aos cenários de forma inteligente, com um estilo minimalista. Quando em uso, livros e revistas ocultam a estrutura de apoio, transmitindo a sensação visual de estarem flutuando. O usuário ainda pode escolher entre os acabamentos amarelo, vermelho, branco, azul e cinza (com brilho) ou preto fosco. Sua aplicação dispensa a necessidade de suporte.

Banquetas

Banqueta Livros sobre banquetas criam um visual contemporâneo, seguindo a tendência de móveis multifuncionais. Entre as sugestões da Masutti Copat está a banqueta Fluy. Essa peça é composta por madeira in natura (eucalipto) e acabamentos de metal aparente na cor preta fosca. Ela é perfeita para os amantes do estilo industrial chique. Destaque para a regulagem de altura, que pode variar de 620mm a 840mm.

Mais informações: www.masutticopat.com.br

Caverna é a cor do ano eleita pela Tintas Sherwin-Williams

Caverna cor 2019 Tintas Sherwin-Williams

Um terracota quente com raízes antigas e elementares, Caverna (SW 7701) é eleita pelos especialistas em cores da Tintas Sherwin-Williams como a Cor do Ano 2019. Da família dos tons terrosos, a cor é quente, casual, refinada, e traz em sua essência o espírito de liberdade que existe em todo aventureiro.

Inspira a alma livre, capaz de ousar não só na cor, mas nos detalhes da decoração e, remete ao passado, cavernas usadas como o lar das civilizações e dos povos de outras épocas. Recriando o futuro, é um tom ancestral e ao mesmo tempo moderno.

De acordo com a especialista em cores e gerente de marketing da Tintas Sherwin-Williams, Patrícia Fecci, “Carverna pode ser o pano de fundo de uma sala de jantar e traz sensação de aconchego para uma cozinha de azulejos brilhantes. Além disso, também fica perfeita quando combinada com revestimentos cerâmicos e pedras, materiais complementares como couro, madeiras com veio aparente, cactos e suculentas em vasos, terrários elegantes e contemporâneos. De espírito boêmio, traz o calor do ar livre, das praias, desfiladeiros e desertos, e das tardes banhadas pelo sol no final do verão. Tudo isso em uma única cor”.

Da argila ao barro, do calor ao tom envolvente, o terracota é um clássico antigo e cheio de história, transmite acolhimento e sofisticação, combina bem com outros neutros casuais e balanceados como um cinza quente, ou, um marrom escuro; com o Mariposa (SW 9174), ou, o Beleza Africana (SW 9183), e evoca uma estética descontraída e sofisticada.

Considerada uma versão atualizada dos tons terrosos tão populares dos anos 70, a cor Caverna combina também com um tom azul jeans empoeirado como o Sonho Distante (SW 6243), ou, até mesmo com um tom abacate fresco como o Recanto (SW 6437).

Quando aplicada com um tom off-white, como o Branco Origami (SW 7636), é deliciosamente agradável. Por fim, vem da paleta Aventureiro, do Colormix 2019, e promete ser destaque nos projetos que terão como base a necessidade de renovar e manter a simplicidade no ar.

Mais informações: https://www.sherwin-williams.com.br/

Especiaria Antiga é a cor do ano da Eucatex para 2019

Especiaria Antiga

A Tintas Eucatex e a consultoria de tendências Tendere desenvolveram a cor Especiaria Antiga. Aposta da marca para o próximo ano, a nova cor mistura tons que partem do terroso, mesclando nuances rosadas e avermelhadas, resultando em um aspecto opaco e levemente acinzentado.

A escolha dessa coloração, segundo a empresa, partiu de estudo de comportamento desenvolvido em parceria com a Tendere. A cor transita entre o étnico e o elegante. Traz para os ambientes a sensação de aconchego e de cuidado.

A cor se conecta a elementos como os alimentos e a gastronomia, em especial as especiarias e os temperos. Também tem conexão com a terra, numa atmosfera que remete à tradição da arquitetura colonial de pintura de paredes com cal e corantes.

No mobiliário, o tom Especiaria Antiga pode trazer toques comedidos de cor para compor a decoração, de forma elegante. Confira algumas aplicações.

Especiaria Antiga - Aplicado

1. Poltrona Ana, com design de Paulo Alves para a DonaFlor Mobília.
2. Pendente Raízes, assinado por Nicole Tomazi para Bertolucci.
3. Kilim Energy Off White Rust da By Kamy.
4. Rodapé Vermelho Escuro, da Coleção Colors da Santa Luzia.
5. Revestimento Colormind Corten da Decortiles.
6. Sofá Tatame, assinado por Alain Blatché para Saccaro.
7. Cadeira Quark da F.Way.

 

Mais informações: http://www.tintaseucatex.com.br/pt/tintas/tintas-eucatex/

Conheça benefícios de incluir cozinha americana nos projetos

Cozinha Americana

Uma tendência cada vez mais comum nos projetos arquitetônicos e de design de interiores, tanto em casas quanto em apartamentos, é a cozinha americana. Trazida dos Estados Unidos, ela favorece a integração entre ambientes, proporcionando uma série de vantagens aos seus moradores, como mais luminosidade e otimização do espaço.

Você já deve ter visto uma cozinha americana na casa de algum conhecido: ela é integrada à sala de estar, normalmente separada por um charmoso balcão, que garante a praticidade do projeto. A Construtora Trisul preparou uma lista com as quatro principais vantagens de ter uma cozinha americana em seu apartamento ou casa. Confira:

Mais praticidade

Esse é um dos pontos mais interessantes apresentados pelos projetos de cozinha americana. Isso porque eles promovem a integração da sala de estar à cozinha, que normalmente são os cômodos mais usados em uma residência. Assim, as atividades de rotina da sua casa ganham mais conforto.

Além disso, normalmente esses ambientes são planejados para receber móveis feitos sob medida. Isso facilita na organização e no melhor aproveitamento do espaço. Assim, você terá sempre uma cozinha arrumada para suas refeições ou para receber os amigos e a família.

Interação entre os ambientes

Lembra-se de como funcionava antigamente? Normalmente, em uma festa ou jantar, alguém sempre ficava isolado na cozinha tradicional, preparando os alimentos, organizando os pratos, talheres e bebidas, enquanto as demais pessoas socializavam na sala. O conceito de cozinha americana veio, também, para derrubar, literalmente, essas paredes que separavam a diversão do trabalho.

Um apartamento ou casa com esse tipo de projeto certamente promove maior interação familiar, já que os espaços são compartilhados. Assim, fica mais fácil ver televisão ou conversar enquanto está nas atividades culinárias. Ninguém mais fica isolado!

Sensação de amplitude

Essa é uma grande vantagem, principalmente nos apartamentos mais compactos, nos lofts ou estúdios. O projeto arquitetônico da cozinha americana também tem como objetivo oferecer aos moradores uma sensação de amplitude, uma solução perfeita para que dois cômodos, que poderiam ser pequenos caso houvesse uma parede, ficassem maiores.

Com a cozinha americana, é possível desenvolver projetos de design de interiores mais criativos, que saibam aproveitar bem cada cantinho desses dois ambientes e torná-los funcionais e charmosos. Escolhendo bem a disposição e o tipo de móveis e objetos de decoração, a cozinha americana é perfeita para deixar o ambiente mais descolado.

Mais iluminação

Deixamos para o fim o que talvez seja a característica mais importante dos projetos de cozinha americana: a luminosidade. A sensação de amplitude confere essa vantagemao espaço, pois, sem a parede que poderia separar os ambientes, a luz natural entra com mais facilidade. Essa é uma vantagem que faz toda a diferença nos apartamentos compactos, por exemplo.

Com mais luminosidade natural, o projeto ganha, inclusive, em economia com os custos de energia elétrica. Já deu para perceber que ter uma cozinha americana ajuda a valorizar o imóvel e tornar a vida de seus moradores mais agradável. Mas é preciso se lembrar de que você deverá ter cuidado na hora de executar o projeto e a decoração dos ambientes. Isso porque eles devem ter harmonia visual e funcionalidade.

Uso de cimento queimado está em alta na arquitetura e decoração

Cimento queimado na arquitetura e decor

Sinônimo para uma decoração despojada, a tendência do cimento queimado está em alta no mundo da arquitetura e decoração. A técnica que envolve texturas e cores é a novidade quando se trata de ambientes inovadores. Apesar do nome, o processo não leva fogo. Na verdade, é feito a partir de uma argamassa produzida com cimento, água e areia, podendo receber aditivos que visam melhorar a sua aderência e evitar rachaduras.

“O cimento queimado é feito com uma base de cimento, areia e água e atualmente já existe produtos no mercado, prontos, que dão a aparência do cimento queimado e facilitam o processo,” explica Natália Veronezi, arquiteta do Estúdio + Design.

O processo exige cuidados e mão de obra qualificada, mas tem durabilidade e é capaz de garantir um diferencial estético para a casa. O designer Marlon Branco, também do Estúdio + Design, indica cimento queimado para todos os projetos.

“O cimento queimado é indicado para qualquer tipo de projeto que siga uma linha moderna e contemporânea, mas também combina bastante com o rústico”, orienta Marlon. Ele salienta ainda outras vantagens como ser uma opção benéfica para o meio ambiente, poder ser usado em diversos ambientes da casa e ter um bom custo-benefício.

Criatividade

Para a designer de interiores Flávia Campos são inúmeras as possibilidades para adotar esse processo na decoração. A criatividade fica por conta de quem realizará o projeto.

“É tão forte o boom do cimento queimado que empresas seguiram a tendência e se dedicaram em produzir porcelanatos e texturas prontas para serem vendidas e facilitar ainda mais os que gostam e querem aproveitar e utilizar. A evolução é tanta que já existem alguns produtos que são prontos para aplicar com algumas opções de cores, para serem usados em área externas ou até mesmo dentro da água, por exemplo, em fundos de piscina,” acrescenta.

 

Planeta Casa é o tema para a Casacor do ano que vem

Casacor tema 2019 Planeta Casa

A edição 2019 da Casacor terá como conceito o Planeta Casa. A escolha foi baseada na tendência de cada casa se tornar o universo particular do indivíduo. É na nossa casa que podemos expressar, de forma natural e genuína, nossa afetividade e nossa conexão com o outro. E, a partir dela, demonstrar atitudes afetivas para com a comunidade que nos rodeia.

As novidades para o próximo ano da mostra de arquitetura, design de interiores e paisagismo foram divulgadas nesta segunda-feira (29/10). O evento exclusivo reuniu profissionais do segmento e marcas parceiras na Praça das Artes, na região central da cidade de São Paulo (SP).

O conceito Planeta Casa percorre 18 cidades brasileiras, quatro países da América do Sul e um da América do Norte. A superintendente da Casacor, Lívia Pedreira, explica que o conceito de Planeta Casa é pensar de dentro para fora, começando pela nossa individualidade e nosso propósito como ser humano. “Somente assim será possível enxergar o outro, como um elo no cuidado com o mundo”, ressalta.

Assim como a transformação do entorno de nossa casa pode acontecer a partir das nossas próprias iniciativas, a cidade também é modificada por meio de soluções que privilegiam e valorizam o convívio da comunidade. A escolha da Praça das Artes como palco para o lançamento da Casacor 2019 está em sinergia com os valores da marca, que busca promover o patrimônio histórico de nossas cidades em suas edições pelo País.

Praça das Artes

Democrática e aberta à população, a Praça das Artes abraça a região com o intuito de revitalizar o centro da cidade. Reocupar o espaço público significa trazer a afetividade para o cerne da cidadania.

Nessa tessitura da afetividade, estão igualmente entrelaçadas a tecnologia e a sustentabilidade. A redatora-chefe da Casacor, Cristina Bava, acrescenta que, quando se fala de tecnologia, não estamos nos referindo ao high-tech propriamente dito, mas sim encontrar em elementos simples e até primitivos as ferramentas tecnológicas. “Temos visto diversos designers e profissionais do segmento trabalhando com materiais inusitados para alcançar efeitos tecnológicos”, complementa

A Casacor reúne, anualmente, arquitetos, decoradores e paisagistas. Em 2018, chegou à sua 32ª edição em São Paulo, com 18 praças nacionais e mais quatro internacionais. A Casacor é uma empresa do Grupo Abril.

www.casacor.com.br

Revestimento que imita madeira ganha espaço no mercado

Piso imita madeira

A proposta é unir a beleza e a naturalidade da madeira com a durabilidade do porcelanato. Revestimentos que imitam a madeira ganham cada vez mais espaço no mercado de decoração. O visual amadeirado traz aconchego e serenidade ao ambiente, mas a madeira natural custa caro. Por isso, os revestimentos que simulam o visual da madeira são cada vez mais usados, segundo a Revesttir, loja especializada em revestimentos, de Curitiba (PR).

Segundo a diretora Comercial da Revesttir, Shayana Prieto, a principal preocupação de quem investe na madeira natural é a durabilidade. “Mas a idade, condições do tempo e até cuidados com a limpeza precisam de muita atenção”, alerta.

Os revestimentos que imitam madeira têm combinações infinitas. Por serem fabricados, os produtos são vendidos em diversas tonalidades, tamanhos e texturas, possibilitando a instalação em qualquer ambiente. Muitos deles contêm propriedades antiderrapantes. Com isso, até a área ao redor da piscina entra na lista dos locais apropriados para aplicação.

Instalação

A instalação deve ser primordial e efetuada por um profissional com experiência. O ideal é deixar uma distância de no máximo 2 milímetros entre as placas, mantendo a impressão contínua da madeira com uma aparência mais natural. A Revesttir informa que trabalha com revestimentos das marcas Portinari, Castelatto e Decortiles, entre outros.

Serviço

Revesttir

  • Endereço: rua Fernando Simas, 598 – Batel – Curitiba (PR)
  • Horários: de segunda a sexta, das 9h às 18h. Aos sábados, das 9h às 14h.
  • www.revesttir.com.br
%d blogueiros gostam disto: